Automation with Intelligence


Os humanos têm uma visão distorcida dos robôs, tendendo a enxergá-los como ameaças aos empregos. A inteligência artificial é um fator que colabora para fortalecer essa sensação, pois remete ao nosso histórico de ficções científicas em que máquinas assumem o controle e humanos tornam-se supérfulos. 

Essa visão, no entanto, deveria renovada. Robôs, especialmente os capazes de pensar, devem ser almejados e não temidos. 

A combinação do homem e da inteligência artificial implica numa mudança abrangente na estrutura das organizações. Nos próximos três anos, executivos esperam que a automação traga aumento na capacidade da força de trabalho em 27%: o equivalente a 2,4 milhões de colaboradores.

Prencha os campos ao lado e acesse na íntegra os insights do artigo "Automation with Intelligence”, que contou com respostas de mais de mais de 500 executivos pelo mundo. 
Um consultor da Deloitte entrará em contato com você em no máximo 3 dias úteis para falar sobre a necessidade apontada acima.
A não ser que você sinalize seu interesse por receber outros conteúdos da Deloitte, os dados capturados neste formulário serão utilizados apenas para envio do material em questão e para análises estatísticas internas.